segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Lobos vestidos de quê? Pastores?

O que leva dois líderes de uma grande massa evangélica a se enfrentarem com desavenças envolvendo Política?
Qual a influência política para esses grandes líderes evangélicos. 

Seja Dilma ou seja Serra, nenhum líder evangélico tem o direito de criticar a postura do outro.
O povo fica no meio destes sem saber pra onde ir.
Seja Macedo ou Malafaia o importante é que política não pode se misturar a religião. Esses dois parecem até que estão concorrendo ao cargo em questão.
Sabemos que o resultado dessas eleições estão ligadas a escolha dos eleitores evangélicos, mas a liderança deveria apenas orientar seu membros sem influenciar em que devem votar.

A bíblia diz que os governantes tem a autoridade dada por Deus. Devemos respeitá-los.
Independente de Dilma ou Serra, você não pode se influenciar por pessoas que se dizem pastores, que na verdade tem muitos interesses políticos.

"Acautelai-vos dos falsos profetas, que se vos apresentam disfarçados de ovelhas, mas por dentro são lobos vorazes. Pelos seus frutos os conhecereis." (Mateus 7, 15)

Jesus nos fala dos lobos vestidos de ovelha mas na verdade o que vemos aqui são lobos vestidos de pastores que querem influenciar o seu voto e com isso critícam a quem vier pela frente.

Você que acompanha a história desses dois sabe que um é um revoltado que voltou o seu foco para o dinheiro e agora vai desvirtuar o sentido principal das Assembléias de Deus.
O outro nem preciso explicar muito, só que é um "saravista" que trabalha com campanhas tirada da cultura afrodescendentes como mesa branca, campanha da rosa... 
Já há muito tempo os dois não são de bom testemunho, suas vidas são marcadas de confusões e mentiras. 
Agora te faço uma pergunta simples. Qual é a conclusão dos telespectadores com relação as atitudes dos dois?

Assista a Participação do Malafaia no Programa do Ratinho e a crítica ao Macedo no programa do Ratinho:









Leia a crítica do Macedo a crítica do Malafaia:


"Em I Reis 13, encontramos um homem de Deus sendo enganado por aquele que deveria orientá-lo, falar a verdade e guiá-lo no caminho certo.
Temos visto nos últimos dias uma verdadeira demonstração de que o espírito do profeta velho continua atuando e tentando levar as pessoas ao engano.
Veja o que aconteceu com o pastor Silas Malafaia, que iniciou a campanha política apoiando a candidata Marina Silva e depois, usando o argumento frágil de que o partido dela, o PV, apoiava o aborto, mudou de lado e, para justificar que não apoiaria a candidata Dilma, acusou o PT de ser a favor do aborto e apoiar o casamento de homossexuais. Pronto, o caminho estava aberto para, sabe-se lá com que interesse, apoiar o candidato Serra.
Como não há nada escondido que não seja revelado, veio a declaração do próprio Serra, em vários meios de comunicação, de que é favorável ao casamento de homossexuais. E não para por aí não. Explodiu como uma bomba a denúncia de algumas ex-alunas da esposa do candidato, Monica Serra, que ficaram indignadas com a hipocrisia do casal de que, como cristãos, são radicalmente contra o aborto. Inclusive, a Sra. Monica chegou a dizer que se Dilma vencesse, ela iria matar as criancinhas.
Revoltadas, as alunas disseram que em uma aula, muito tempo atrás, a Sra. Monica declarou que havia feito aborto, com o consentimento de seu marido José Serra.
Agora ficam as perguntas: O que fez o pastor Malafaia mudar de lado? Ele vai continuar apoiando o Serra?
Diante desse cenário temos que lembrar o que aconteceu com o homem de Deus (I Reis 13) que seguia o seu caminho e foi levado à morte, enganado pelo profeta velho, porque não guardou a sua fé."

Que você não se engane com falsos líderes religiosos. Não se influencie com o que falam.
Independente de quem esteja certo ou errado. Apenas acredite no que a Bíblia Diz!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...